Emacs: cor no “M-x shell”

Já que está mofando isso aqui mesmo, um texto técnico-cópia.

***

Quem programa ou edita arquivos-texto com freqüência, já deve ter pelo menos ouvido falar do editor de textos extensível Emacs. Embora haja divergências no meio computeiro quanto à preferência de editor de texto, o Emacs têm muitos usuários, como eu. Grande parte de sua extensibilidade se dá pela interface criada para configuração e criação de novas funções: um dialeto da linguagem Lisp, o emacs-lisp. Ainda quero aprender o basicão dessa maravilha, coisa que farei devagar.

Indo para o ponto em que quero chegar: saca o shell buffer (interpretador de comandos chamado da interface do Emacs)? Você, como eu, é bem capaz de definir variáveis de prompt, por exemplo, com cores. O Emacs, por padrão, no entanto, não interpreta como quereríamos os códigos ANSI das cores, sendo que os mesmos são impressos literalmente na tela. Para deixar o bicho colorido, como se deve, adicione as seguintes linhas (de emacs-lisp) no seu arquivo ~/.emacs:

;; Correção para cores para um shell rodando sob emacs (‘M-x shell’)

(autoload ‘ansi-color-for-comint-mode-on “ansi-color” nil t)

(add-hook ‘shell-mode-hook ‘ansi-color-for-comint-mode-on)

Fica perfeito. Dica tirada daqui.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s